está tudo aqui.

bem vindo

Queimada.

By | Sem categoria | No Comments

 

 

 

Guaraci consegue controlar sua intensidade enquanto está na terra.
Mas não por muito tempo.

– Não vou aguentar muito mais JOÃO
– Mas ainda temos que falar

A luz aumenta. As arvores em volta começam a secar.

– Acho que você vai ter que resolver isso sozinho. Dessa vez.

Histórias paralelas.

By | Sem categoria | No Comments

Somente pra registrar a possibilidade das histórias particulares de cada mito se misturarem com a trama principal.

Assim, por exemplo, no meio de algum capítulo qualquer, fazemos uma pausa para acompanhar o despertar de Salomé, a prostituta que acaba de perceber que está carregando a maldição.

Isso necessariamente condiciona a produção de linhas narrativas específicas para cada mito. Resumidas, mas reais, como se pudéssemos contar micro histórias dos personagens para complementar a história principal.

LIvro de Gilgamesh – I

Memória contada de como João Batista se tornou o Curupira, 2010

30 retratos da minha versão do Mboitatá, 2007

O livro do Mboitatá, 2008

João é seduzido pelo canto da Yara , 2009

Peguei um Saci bem pequeno, 2008

30 garrafas com tamanho adequado para guardar o Saci Pererê, 2008

O livro do Saci, 2008

Passagem de João Batista pela cidade de Itaúnas 1 , 2008

A passagem de João Batista pela cidade de Itaúnas 2 , 2008

Retrato de Curupira, 2008

saudades da Alamoa, 2007

história de pescador, 2007

quem tem medo de onça, 2007

Não olhe para o Mboitatá, 2007

Retrato oficial do Saci, 2008

Jantar com Maria Alice, 2006

Maria Alice como se fosse Olimpia, 2006

Eu nunca vi uma mula sem cabeça, 2007

Saudades da Yara, 2006

Manoel e a lua, 2006

Nunca de as costas para um Saci, 2006

Mboitatá de perfil, 2006

Protagonista de costas, 2006